5 resoluções de Ano Novo para começar hoje

Uma mão cheia de sugestões para uma vida mais tranquila. Inspire-se nelas e ponha-as em prática já hoje. Este ano é o ano!

Andamos sempre numa correria entre o trabalho e a vida pessoal, entre a família e o que fazer para o jantar, entre as contas e os afazeres rotineiros… E no meio de tantas questões em aberto, acabamos por dedicar grande parte da nossa atenção a fatores externos, que são frequentemente incontroláveis. Pelo meio, deixamos escapar verdadeiras oportunidades de trabalharmos em nós pequenos hábitos (tantas vezes inconscientes), que têm um impacto real no nosso estado de espírito. Assim sendo, este ano deixámos de parte as grandes resoluções de Ano Novo – aquelas que são tão exigentes que duram, na melhor das hipóteses, até fevereiro. Escolhemos antes elaborar uma pequena lista de cinco mudanças simples, que podemos implementar nas nossas vidas já a partir de hoje – e às quais podemos sempre regressar, mesmo havendo dias menos bons em que deitamos tudo por terra, para retomar o caminho que decidimos percorrer.

1. Sleeping beauty

Segundo Dalai Lama, “dormir é a melhor meditação”. E se nem todos os médicos contemporâneos percebem ou consideram os benefícios que meditar nos traz, todos eles garantem que umas sete a oito horas de sono por noite, principalmente se tiverem a mesma hora de início e de fim, dão saúde e fazem crescer.

2. Vida real

A maioria de nós passa o dia em contacto com algum tipo de tecnologia: se não é o computador durante o dia de trabalho, é a televisão à noite; e se não for nenhum dos dois, é o tablet, a consola, o telemóvel. No tempo livre, a vida real tem um ritmo mais leve e precisa mais de si do que as redes sociais. Por isso, tente reduzir o tempo que passa online e invista nas ligações reais, em atividades, conversas e relações humanas que o preencham… realmente.

3. Somos o que comemos

Não vale a pena optar por uma dieta que não vá manter. Opte por fazer uma pequena lista dos alimentos que quer incluir mais regularmente na sua alimentação e daqueles que quer consumir o mínimo possível. E, quando errar, encare o episódio como uma exceção e lembre-se de que, no que a resoluções diz respeito, estar perdido por cem não é o mesmo que estar perdido por mil.

4. Merci, muito obrigado!

Shakespeare escreveu que “a gratidão é o único tesouro dos humildes”. É de facto uma qualidade conseguirmos ver o lado positivo das situações que enfrentamos e, mesmo que essa atitude não nos seja natural, podemos trabalhá-la em nós – e trabalharmo-nos assim para sermos aquilo que queremos ser.

5. These boots are made for walking

Tente substituir os curtos trajetos de carro por uma boa caminhada. Além de fazer maravilhas pelo nosso sistema circulatório, contribui para manter a linha, alinhar a postura e esvaziar a mente – principalmente se for a contemplar o ambiente que o rodeia em vez de ir de olhos postos no telemóvel. É daquelas resoluções de Ano Novo com mil e um benefícios – basta descobri-los!

 

 

 

Publicação
02 de Janeiro de 2020
Categorias
Vida Saudável
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço