Feng Shui: 5 dicas para tornar a sua casa mais equilibrada

Sente que a sua casa não lhe traz a harmonia e o equilíbrio necessário? Apresentamos-lhe o Feng Shui e cinco dicas para atrair as energias positivas ao lar, doce lar!

A arte do Feng Shui teve origem na China há milhares de anos, como uma disciplina espiritual que tem como objetivo o nosso relacionamento equilibrado e harmonioso com os espaços.

Em chinês, o termo “Feng” significa vento, enquanto “Shui” significa água. Os mestres que deram forma a esta corrente terão percebido que cada área seria dotada da sua própria vibração, com uma energia “Chi” que podia ser influenciada de forma positiva e negativa. 

Depois de estudarem mais a fundo esta arte, os mestres chineses perceberam que, através da modificação de ambientes e objetos, podiam favorecer as energias positivas, reduzindo as negativas. Ou seja, que a energia presente poderia também trazer benefícios para o corpo e mente, caso não houvesse elementos que prejudicassem o fluir dessa mesma energia. Foi nesse momento que a localização dos móveis, das casas e dos objetos, começaram a ganhar novos sentidos.

Para esta arte milenar chinesa, a nossa casa é o reflexo de quem somos. Por isso, algumas mudanças podem ter grandes efeitos na nossa rotina e nosso bem-estar. Mexer nas luzes, cores, padrões, materiais e texturas podem ser a solução para um ambiente mais harmonioso.

Se quer abrir as portas de sua casa à harmonia e ao equilíbrio, damos-lhe cinco dicas para começar já! Contudo, o primeiro passo começa por arrumar toda a casa. E depois é só seguir estes passos:

1. Espelho meu, espelho meu…

O Feng Shui acredita que ter espelhos em casa pode trazer boa energia, já que ajudam a duplicar a luz e o espaço. Ideais para o hall da entrada e cozinha, mas não tão harmoniosos para o quarto, já que são ativadores de energia e podem causar insónias, pesadelos e desconforto.

 

2. Uma mão cheia de energia

O Feng Shui defende que é importante ter a presença dos cinco elementos – madeira, terra, metal, fogo e água – em cada divisão da casa, de forma a nos sentirmos equilibrados. Vasos com flores naturais, caixas de madeira ou cortiça e velas são alguns exemplos.

3. Breath in, breath out

Respirar natureza. Não fosse esta uma arte chinesa, o Feng Shui promove a natureza em todas as divisões da casa (incluindo o quarto), de forma a haver equilíbrio. Use e abuse de flores e plantas (nunca artificiais), incluindo na sua cozinha. Por que não um canteiro com ervas aromáticas?

4. I see your true colors…

Diferentes cores geram diferentes sensações. Umas criam uma sensação de paz e tranquilidade, outras dão-nos energia e estimulam a criatividade. Por isso é tão importante saber que cores são indicadas para as diferentes divisões da nossa casa.

Para a sala e para o quarto prefira os tons brancos e terra (castanhos, beges e verdes), que promovem a tranquilidade e a calma, na cozinha as cores quentes que aumentam o apetite como o laranja, vermelho e o amarelo. A casa de banho é o dilema do Feng Shui. Devido ao excesso de humidade, pode enfraquecer a energia. O ideal é dar preferência às cores pastel, investir num sistema de ventilação e decorar com algumas plantas naturais e velas. Nesta divisão é importante ser-se simples e minimalista.

5. Pormenores que fazem a diferença

É importante ter ainda em conta alguns pormenores que o Feng Shui defende. Um deles é retirar todas as fotografias de família e amigos do quarto. Nesta divisão devem estar apenas fotografias do casal e, de preferência, objetos sempre aos pares. Também devem ser retirados todos os aparelhos eletrónicos, como televisões, telemóveis, etc: o quarto deve ser uma zona de descanso e repouso. A cama é outro elemento fundamental. Deve estar sempre encostada à parede, de forma a criar a sensação de segurança.

Outro pormenor são os móveis ou objetos pontiagudos. Estes devem ser trocados por objetos com cantos redondos de forma a não quebrar a energia.

Por último, mas não menos importante, abra a porta da frente de sua casa para que a energia entre. Os mestres chineses acreditam que a energia pode estagnar se a entrada estiver fechada. Também defendem a ideia de que a cor vermelha atrai a energia Chi. Por isso talvez seja uma boa ideia colocar uma planta vermelha do lado de fora ou um outro apontamento. Não fosse essa cor, sinal de energia, fortuna e sorte.

Pronto para encher a sua casa de boas energias? Boas decorações!

Categorias
Casa
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço